Biografia não autorizada de Regis Folco, por ele mesmo

Biografia não autorizada de Regis Folco, por ele mesmo

Diz o Regis que queria ter feito Publicidade. Mas saiu do Bandeirantes e entrou direto na Engenharia da Poli-USP, onde se deu conta que sua vida não seria um comercial de margarina. Ali, ele até se formou, sofrendo e chorando. E depois nunca exerceu a profissão. Fugiu desesperado para marketing, estratégia e outras tábuas de salvação disponíveis para engenheiros no mundo corporativo.

(mais…)